Uncategorized

Cidades sustentáveis são tema de diálogos no 4º Seminário Sebrae de Sustentabilidade

Com cerca de 220 mil habitantes, Freiburg alcançou um dos menores índices de monóxido de carbono

Com cerca de 220 mil habitantes, Freiburg alcançou um dos menores índices de monóxido de carbono

O número de pessoas nas cidades cresceu a um ritmo exorbitante. De acordo com a ONU-Habitat (Programa das Nações Unidas para Assentamentos Humanos), a população urbana mundial foi multiplicada por cinco entre 1950 e 2011. Apenas nos países em desenvolvimento, entre 1995 e 2005, a população cresceu, em média, em 1,2 milhões por semana, ou cerca de 165 mil habitantes por dia. E a previsão é que este número continue aumentando, podendo alcançar a marca de 5,3 bilhões em 2050.

Com a maior parte da população vivendo em cidades, a qualidade de vida torna-se motivo de preocupação em todo o mundo. Densidade populacional e intensa atividade econômica são fatores que interferem diretamente no meio ambiente, afetando a qualidade do ar, água e solo nas áreas urbanas.

O caos da mobilidade deixa de ser realidade apenas nos grandes centros. O aumento de emissões conduz a um cenário onde aproximadamente 90% da população convive com ar aquém dos níveis de segurança. Os resíduos sólidos gerados chegam a 1,3 bilhão de toneladas anuais, segundo dados da Pnuma (Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente), e, na maior parte dos casos, descartados incorretamente. Como solucionar estas questões?

Cidades sustentáveis são projetadas para minimizar impactos socioambientais, promovendo não apenas a melhoria na qualidade de vida atual, mas também garantindo recursos para as gerações futuras.

Ideias e oportunidades

Para discutir este novo cenário, o 4º Seminário de Sustentabilidade reunirá especialistas sobre o assunto em Cuiabá, entre os dias 29 a 31 de julho. Sob o título Diálogos: Cidades Sustentáveis, Carlos Silva, da Abrelpe, Mirela Souto, da Marca Ambiental, e Rolf Buschmann, da Solar Info Center (Alemanha), discutem problemas urbanos, desafios e oportunidades de negócios em cidades sustentáveis, com a mediação de Dal Marcondes.

Cidades sustentáveis são projetadas para minimizar impactos socioambientais, promovendo não apenas a melhoria na qualidade de vida atual, mas também garantindo recursos para as gerações futuras. Contemplam iniciativas como políticas públicas em prol da mobilidade, melhoria dos meios de transporte coletivos, estímulo às fontes renováveis de energia, e implantação de sistema para gerenciamento dos resíduos sólidos, garantindo um processo menos desigual, mais inclusivo e que integra as dimensões social, ambiental e econômica.

Freiburg: a cidade mais sustentável do mundo

Integrando a discussão, será apresentando o caso de Freiburg, na Alemanha. A cidade é exemplo de como é possível aliar crescimento econômico, qualidade de vida e conservação de recursos.

Com cerca de 220 mil habitantes, Freiburg alcançou um dos menores índices de monóxido de carbono, graças a diversas iniciativas, como uso de fontes renováveis de energia (especificamente a solar), edificações eficientes e uso intensivo de ciclovias.

Serviço

4º Seminário Sebrae de Sustentabilidade
Quando: De 29 a 31 de julho, em Cuiabá (MT)
Mais informações: www.sustentabilidadesebrae.com.br

Fonte: Envolverde

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s